quarta-feira, 19 de março de 2014

Coletânea especifífica O "mensalão" não existiu

A afirmação de Fux de que domínio de fato é dolo
Nassif: Ministros do STF agiram com má fé no uso do domínio de fato
Alunos de Roxin denuncia embustes utilizando a teoria do domínio de fato
Dois mensalões, duas justiças
Altamiro Borges: O cinismo de FHC, o ético príncipe da privataria
No Brasil a direita não vai para a cadeia
STF deve absolver Dirceu da acusação de formação de quadrilha, prevê Barbosa
Meu comentário



Temos que lutar pela anulação deste julgamento, pois um mesmo é fruto de erro de imprensa corroborado pelo trio oposição ao PT, STF e PGR. Não podemos permitir isso. Imagine só vc o mesmo ministro que deu HC a um  médico criminoso condenado a 278 anos de prisão por estuprar suas pacientes arrotar o que arrotou no show do mensalão, também o garantista Marco Aurélio Mello com suas bondades para Cacciola de repente deixou o garantismo de lado para atender ao clamor da opinião publica(da). Bando de fdp, me desculpem o termo mas não consigo não me injuriar diante disso.
Um ensaio sobre o populismo midiático no Brasil e a busca de responabilidade
Meu comentário
Penso que chegará um dia em que a academia estará tratando o mensalão como aquilo que de fato o foi: Erro de imprensa, não se diferenciando nem um pouco de casos como o Escola Base, apesar de que o mensalão foi erro proposital, tendo sido montado um forte esquema midiático corroborado pelo trio oposição ao PT, STF e PGR.
Grupo Abril faz parceria para editar "Tge Huffington Post" no Brasil
Meu comentário
SOBRE INJUSTIÇAS COMETIDAS POR UMA IMPRENSA CONCENTRADA NAS MÃOS DE POUCOS - Como não é proibida a propriedade cruzada na área da comunicação, recurso que existem em muitos paises, nos EUA por exemplo, aqui um grupo vai acumulando tudo quanto é possível: Portais de internet, revistas, rede de tv, rádio, e junto com a Globo formam um pool, e ainda dizem que por aqui há liberdade de imprensa, de empresa sim, de imprensa não, daí que temos uma mídia tão poderosa que foi capaz de criar a versão para um crime que não existiu (não estou falando da Escola Base e sim do mensalão) e instalaram um tribunal de exceção para que, com base num crime que não foi cometido, impor pesadas penas aos réus. E ainda há quem aplauda essa bandalheira. Este vídeo remete a agluns erros da imprensa, dentre eles o "mensalão", só para termos idéia do quanto é danoso uma imprensa que funciona em forma de pool, de oligopólio, sem diversidade e concorrência entre os veículos de comunicação, o que torna fácil a manipulação das massas na hora de condenar inocentes.

 E olhe lá que do caso Escola Base só participaram a mídia e a policia, enquanto que para sustentar o mentirão convergiram 4 grandes e poderosas forças, o bando dos quatro: Oposição, mídia, STF e PGR




Como IV Avatar do Rio Meia Ponte publiquei isso no GGN: O julgamento do mensalão e os efeitos da campanha midiática sobre o comportamento de massa



Lula diz que teria mais critério para escolher ministros do STF
Meu comentário
Não funcionou o critério da "competência", pois entre o técnico e o político, gritou mais alto o político no coração dos juizes. Talvez por isso, na Suprema Corte dos EUA há essa percepção juristas de esquerda x direita, sem hipocrisia. Por aqui há esse faz de conta ao mesmo tempo em que sabemos que os membros da Suprema Corte não são nem um pouco técnicos a partir do momento em que se comportam e votam como garotos de recado da imprensa, ministros como Fux, que nem se deu ao trabalho de ler o processo, preferindo o bordão "voto com o relator", é de tirar pica-pau do oco.
Pergunta de Tulio Vianna, do Blog Tulio Vianna, sobre nomeações para o STF, durante o encontro do Presidente Lula com blogueiros no Palácio do Planalto.

Foi o Zé! ou: O incrível macartismo da imprensa contra Zé Dirceu

Paulo Moreira Leite, na Isto É: O mensalão do PSDB-MG é lindo
Meu comentário
Embora Barbosa, ao invés de trabalhar  rode o mundo dando palestras secretas(com direito a prisão de jornalista), o STF já comunicou que eles estão sem tempo para mexer com o mensalão tucano, e olhe lá que dos 80 réus, somente um, o Azeredo, será julgamdo pela Suprema Corte, uma vez que ao contrário do que ocorreu na AP470, os réus tiveram direito a julgamento por diferentes Cortes de juizes.
Incrível como o quarteto oposição-imprensa-stf-pgr construiram uma versão fantasiosa para o "mensalão" e daí foi um passo para a instalação de um tribunal de exceção para julgar um crime que não existiu, pois doutra forma que não um julgamento inquisitorial, não teriam chegado anos e anos de cadeia para criminosos que não cometeram qualquer crime,o caso Escola Base é apenas um dos inúmeros exemplos o quanto é danosa uma mídia que não se reporta aos fatos, pelo contrário, constrói versões tendo em vista seu próprios interesses.


Justiça mineira condena[em primeira instância] o primeiro réu do mensalão tucano
Meu comentário
Há uma diferença enorme entre os dois casos. Está provado por A mais B que os petistas não usaram recursos públicos, enquanto que os tucanos sangraram as estatais mineiras. E outra diferença: Essa sentença é de um juizo de primeiro grau, terão direito a recorrer para outra Corte de juizes, isso foi negado aos petistas no tribunal de exceção. Essa condenação foi prá inglês ver, prá dizer que pau que dá em Chico dá em Francisco, o que não é o caso.

http://jornalggn.com.br/noticia/justica-de-mg-condena-o-primeiro-reu-do-mensalao-tucano
Nassif: Ministros do STF que se aliaram à midia não se sentiram pressionados
http://jornalggn.com.br/noticia/ministros-do-stf-que-se-aliaram-a-midia-nao-se-sentiram-pressionados
Helena: Até os conservadores começam a julgar o julgamento do mensalão
Meu comentário
O quarteto (oposição-stf-mpf-midia) criou um crime que não existiu, aproveitaram-se do caixa 2 para montar um teatro e para sustentar a farsa instalaram um tribunal de exceção que tentaram encerrar antes da hora para que a podridão não viesse à tona.
Mas deram com os burros n´agua
Esse julgamento tem que ser anulado, não podemos permitir que o bando dos 4(oposição-stf-mpf-midia) que usou desse expediente para tirar do jogo politico um partido, estrague a vida de pessoas como fizeram na escola base, veja que é facilimo inventar um crime, fizeram isso no caso Escola Base e olhe lá que desta farsa só participaram duas forças: A policia e mídia.
http://www.redebrasilatual.com.br/blogs/helena/2013/09/ate-os-conservadores-comecam-a-julgar-o-julgamento-do-mensalao-2584.html
Cláudio Lembo compara julgamento a juizo medieval
Meu comentário
ESSE JULGAMENTO TEM QUE SER ANULADO - Como era de esperar, uma vez que mentira tem as pernas curtas, o julgamento do mentirão está fazendo água. O Rodrigo Janot, também,  não quer a PGR continue fazendo parte do bando dos 4, ou seja, esse quarteto que foi formado para perseguir e tirar da disputa política o PT. Com essa ideia fixa o quarteto inventou um crime,  uma versão em cima do caixa 2 eleitoral, o que  de fato foi praticado, de forma que o correto seria ter a Câmara dos Deputados ter cassado os deputados envolvidos mas isso não ocorreu pq o quarteto viu ali uma chance de destruir o PT e para isso instalou um tribunal de exceção. Sem um tribunal de exceção não teria se chegado ao que se chegou, ou seja, às condenações por práticas inexistentes. Isso não é difícil de ser feito para um quarteto tão pesado, lembremo-nos do caso Escola Base, quando foi necessários apenas a mídia e a polícia para destruir várias famílias com a invenção de um crime, no Youtube há um documentário sobre estes caso. A minha dúvida é se o quarteto oposição-mídia-stf-pgr não continuará  insistindo na mentira mesmo quando o povo brasileiro ficar sabendo o que de fato ocorreu, e isso ocorrerá, não tenham dúvida. Esse julgamento tem que ser anulado.

Para entender o "mensalão", assista a este vídeo: Julgamento AP 470, STF, Julgamento Medieval
Saiba como o bando dos 4(oposição, imprensa, pgr e stf) inventaram um crime para condenar um partido político.


http://jornalggn.com.br/noticia/claudio-lembo-compara-julgamento-a-juizos-medievais
Miguel do Rosário: Merval e Sardenberg beberão vinho azedo
http://altamiroborges.blogspot.com.br/2013/09/merval-e-sardenberg-beberao-vinho-azedo.html
Venício A. de Lima:
Mídia e julgamento do "mensalão": "Opinião pública" ou "opinião da grande mídia"
http://www.observatoriodaimprensa.com.br/news/view/_ed764_opiniao_publica_ou_opiniao_da_grande_midia
Domínio e BV são para pegar o PT
http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2013/09/23/dominio-e-bv-sao-pra-pegar-o-pt/
Nassif: Os sinais de ressaca na campanha da AP 470
Meu comentário
Sim, foi o bando dos 4 que montou este processo mentiroso. E veja que, no caso Escola Base, foram necessários apenas a polícia e mídia para destruir a vida de várias pessoas, imagina no caso do mensalão para onde convergiram 4 grandes forças bandidas: Mídia, oposição, PGR e STF. Montaram uma versão de um crime que não existiu e, para manter a farsa, instalaram um Tribunal de Exceção. Desconheço julgamento que tenha sido tão dantesco, nem na ditadura militar, nem o Tribunal de Nuremberg foram deixadas de lado o direito de defesa, não se usou a tese do domínio de fato para a condenação sem provas e muito menos o julgamento foi transformado em show televisivo. Não estou aqui a elogiar processos em regimes ditadoriais, pelo contrário, estou apenas demonstrando o que se passou nas mãos do bando dos 4. Não podemos permitir isso, essa vendeta. Esse julgamento tem que ser anulado.
http://jornalggn.com.br/noticia/os-sinais-de-ressaca-na-campanha-sobre-a-ap-470
Eduardo Guimarães: A epifania de Ives Gandra versus o "embromation" do Reinaldão
http://www.blogdacidadania.com.br/2013/09/a-epifania-de-ives-gandra-versus-o-embromation-do-reinaldao-2
Paulo Nogueira, no Diário do Centro do Mundo:
Por que só agora Ives Gandra disse que Dirceu foi condenado sem provas?
http://www.diariodocentrodomundo.com.br/por-que-so-agora-ives-gandra-disse-que-dirceu-foi-condenado-sem-provas/
Cláudio Lembo, no Vi o Mundo: Como nos juizos medievais, denunciados do mensalão foram expostos a execração pública
http://www.viomundo.com.br/politica/claudio-lembo-como-nos-juizos-medievais-denunciados-do-mensalao-foram-expostos-a-execracao-publica.html
Miguel do Rosário: O julgamento do mensalão é denunciado Ives Gandra e a sonegação da Globo vira marchinha de carnaval
http://www.ocafezinho.com/2013/09/23/sonegacao-da-globo-vai-virar-marchinha-de-carnaval/
Vera Rosa, no Estadão: João Paulo Cunha desafia Joaquim Barbosa a ouvi-lo
http://jornalggn.com.br/noticia/joao-paulo-cunha-desafia-joaquim-barbosa-a-ouvi-lo
Rodrigo Vianna sobre declaração de Ives Gandra: Uso da tese do domínio de fato assusta elite
http://www.rodrigovianna.com.br/plenos-poderes/ives-gandra-nao-ha-provas-contra-dirceu-stf-criou-um-monstro-que-assusta-a-elite.html
Mônica Bergamo, na Folha: Ives Gandra diz que Dirceu foi condenado sem provas
Meu comentário
Quanto a esta crítica de Ives Gandra sobre o uso da teoria do domínio de fato(sem provas) para condenar Zé Dirceu, fico me perguntando qual era a verdadeira intenção da turma. Seria uma ordem para que o STF volte ao garantismo, ou seja, ao respeito às garantias previstas na CF. O Cláudio Lembo fez coro às declarações de Ives Gandra. É como se até a Casa Grande pedisse arrego. Terá sido uma ordem para que o STF volte ao normal? Talvez um recado para os demais tribunais, inclusive os de primeiro grau, mas não para o STF, pois esse já está no papo e já voltou ao normal há muito tempo, basta ver as decisões do STF neste período. O MAM acabou voltou a ser garantista, por exemplo para suspender o julgamento do fazendeiro e político tucano que mandou assassinar os fiscais do MTb, ah se fosse petista. Mais uma dúvida: Seria o recado de Gandra dirigido aos juizes de primeiro grau para que não usem jamais a tese do domínio de fato(sem provas), isso que usaram contra Dirceu e, como ele(Gandra) diz, de forma errada? Pode ser. Um caso a se pensar.Só sei que o julgamento do mensalão, por ter se destinado a julgar um crime inventado pelo bando dos 4 (oposição, mídia, stf, pgr), será de exceção do começo ao fim, e veja só vc que, no caso Escola Base, foram necessárias apenas duas forças para montar uma farsa: Mídia e polícia. De forma que o resultado do julgamento do mentirão não poderia ter sido outro se se juntaram forças descomunais para perseguir um partido político.
http://jornalggn.com.br/clipping/ives-gandra-diz-que-dirceu-foi-condenado-sem-provas
Jânio de Freitas, na Folha: Os estranhos conceitos de isonomia de Carmem Lúcia
http://jornalggn.com.br/noticia/os-estranhos-conceitos-de-isonomia-de-carmen-lucia-por-janio-de-freitas
Pizzolato é inocente, já a Globo...
http://www.ocafezinho.com/2013/08/06/pizzolato-e-inocente-ja-a-globo/
Pizzolato é inocente
http://www.megacidadania.com.br/a-inocencia-provada-de-pizzolato/
Lewandowski aplaudido em restaurante em Brasilia
http://jornalggn.com.br/noticia/lewandowski-foi-aplaudido-em-restaurante-de-brasilia-apos-sessao-dos-embargos-infringentes
Veja este video sobre o caso Escola-Base, cujos donos foram acusdados pela policia e midia e eram inocentes
Ocorre o mesmo no mensalão e aqui se reuniu o quarteto oposição-midia-stf-pgr, jogo duro

O mensalão e a justiça brasileira à luz do caso Dreyfuss
Lula pede retratação da imprensa de mentiras que atingiram Gushiken
Nassif: Celso Mello e a última tentativa de legitimar o enforcamento
Da Mulher de Fibra sobre a participação de Raimundo Pereira, jornalista,  no Roda Viva: Ficaremos calados diante da injustiça?

http://www.ocafezinho.com/2013/09/04/raimundo-pereira-desafia-golpistas-do-roda-viva/
Paulo Nogueira sobre a morte de Grushiken: Chico Caruso e a arte da crueldade nas charges
http://jornalggn.com.br/noticia/chico-caruso-e-a-arte-da-crueldade-nas-charges-por-paulo-nogueira
Cristiana Castro: A responsabilidade do PGR e do STF na morte de Gushiken
http://jornalggn.com.br/noticia/a-responsabilidade-do-pgr-e-do-stf-na-morte-de-gushiken
Cristiana Castro: Sobre a fundamentação dos votos contrários aos embargos
http://jornalggn.com.br/noticia/sobre-a-fundamentacao-dos-votos-contrarios-aos-embargos
Pedro Serrano: Os embargos e os direitos humanos
http://jornalggn.com.br/noticia/os-embargos-e-os-direitos-humanos-por-pedro-serrano
Marco Aurélio e Gilmar não encaram discussão sobre embargos de maneira técnica
http://jornalggn.com.br/noticia/marco-aurelio-e-gilmar-nao-encaram-discussao-sobre-embargos-de-maneira-tecnica
A estratégia de Marco Aurélio Mello e o interesse da mídia
http://jornalggn.com.br/noticia/a-estrategia-do-ministro-marco-aurelio-e-o-interesse-da-midia
Como as condenações do mensalão foram sendo construidas
http://jornalggn.com.br/noticia/as-decisoes-tomadas-no-julgamento-que-indicam-o-caminho-da-condenacao
Barbosa interrompe julgamento para  convencer Celso Mello a mudar de posição
http://jornalggn.com.br/noticia/barbosa-ganha-tempo-para-convencer-celso-de-mello-a-mudar-de-posicao
De primo para primo Celso Mello
http://jornalggn.com.br/noticia/de-primo-para-primo-para-celso-de-mello
PGR/STF esconderam provas da inocência dos réus
http://minhalapaminhavida.blogspot.com.br/2013/07/a-prova-definitiva-que-incrimina-jb-e.html
O sistema não fechará mesmo que a tese de Marco Aurélio vença
http://jornalggn.com.br/noticia/o-sistema-nao-fechara-mesmo-que-a-tese-de-marco-aurelio-venca
Marco Aurélio e arte de pesar a mão depende da ocasião
http://jornalggn.com.br/blog/luisnassif/marco-aurelio-a-arte-de-pesar-a-mao-depende-da-ocasiao
Marco Aurélio de Mello e os anseios da sociedade
"Se se pautasse pelos anseios da opinião pública, Marco Aurélio de Mello jamais teria concedido a Salvatore Cacciola o habeas corpus que permitiu sua fuga do país."
http://jornalggn.com.br/blog/luisnassif/marco-aurelio-de-mello-e-os-anseios-da-sociedade
A Casa Grande conseguiu
http://josecarloslima.blogspot.com.br/2013/09/a-casa-grande-conseguiu.html
Julgamentos de exceção no Brasil: Da Alçada ao Mensalão
DA ALÇADA AO MENSALÃO - Sobre julgamentos de exceção no Brasil, é muito importante percebermos que a imprensa está fazendo seu mea culpa e começa a apontar que o julgamento do mensalão foi de exceção, isso que as redes sociais perceberam e denunciaram bem antes.  "(...) E, se por acaso os processos da Alçada começam a lhe parecer estranhamente semelhantes com o mensalão, isso não deveria causar surpresa: de fato, são. Algumas coisas nunca mudam(...)" Segue o artigo na íntegra, extraído da Folha de SP
Lincoln Secco: Onde está Zé Dirceu?
http://www.viomundo.com.br/politica/lincoln-secco-4.html
Paulo Moreira Leite: A derrota dos crocodilos que rondam o Supremo
A casa de José Dirceu na tarde de 05/09/2013
Eduardo Guimarães: Zé Dirceu, ao lado de amigos e familiares, manda um recado

Wandereley Guilherme dos Santos, cientista: Impõe-se revisão do julgamento inteiro

STF acolhe recursos e reduz pena de réu da AP 470
Meu comentário
ESSE JULGAMENTO TEM QUE SER ANULADO - Depois de tantos dias se afirmando que os embargos de declaração não tinham poder de corrigir erros constatados no julgamento, de repente, no minuto 45(ops) do segundo tempo, a coisa muda. Ao alterar a pena de 1 réu uma das duas coisas:
1- Os embargos infringentes serão permitidos pq há erros a serem corrigidos.
2- Os embargos infringentes serão negados pq, para o mundo e para o acórdão a ser publciado no DJ, será dito que os réus tiveram sim, direito a recurso, tanto q ue um deles teve sua pena alterada. O que foi dito em contrário será negado de pés juntos pelos ministros, tudo será apagado, como ocorreu na 1a. fase do julgamento. Entendestes?
Mesmo que os embargos infringentes sejam aceitos, estes recursos não serão úteis para todos os réus cuja pena esteja errada, enfim, esse julgamento é uma confusão sem tamanho, como dizem, o verdadeiro samba do crioulo doido, concordo com o jornalista Raimundo Pereira: Esse julgamento tem que ser anulado.
Cristina Castro: As estranhezs do julgamento
Barroso inventou o "mandato salame"
Zé Dirceu defende que votação no Congresso para cassar parlamentares setenciados pela Justiça seja aberta
Negar recursos é negar a Constituição
Meu comentário
Difícil entender como uma pessoa como Rosa Weber chegou ao STF que, na área penal é de uma ignorância total, não faz o menor sentido o Executivo federal, estadual e municipal indicar membros do MPF, MP estaduais, TCM  e STF. Que se dê logo autonomia total a estas instituições, precisamos buscar uma saída. Na Argentina entidades sociais participam do processo de escolha, nos EUA há um equilíbrio entre republicanos e democratos, por aqui todos tem que ser de direita ou é aquele faz de conta, o ministro é uma coisa na sabatina e outra depois que toma posse.
O STF e o direito ao segundo grau de jurisdição horizontal
Sobre a fala de Rosa Weber e o embargo de declaração
Najla Passos: As diferentes decisões para Cassol e para os réus da AP 470
O mensalão não existiu
Segundo o jornalista Raimundo Pereira, o mensalão não existiu, o que existiu foi caixa 2 de campanha eleitoral, crime prescrito, sendo que os infratores deveriam ter sido julgados na época correta, por exemplo, mediante cassação dos mandatos, isso é teria sido o correto e não o que fizeram: Inventaram crime(s) crime que os réus não cometeram, como por exemplos o uso de recursos públicos, a compra de votos para aprovação das reformas de Lula e outras mentiras construídas durante anos pelo quarteto oposição-mpf-stf-mídia.






Assistam aos vídeos postados no rodapé deste artigo da TV UOL e notem que a grande mídia sabe perfeitamente que o julgamento do mensalão foi de exceção sim
"Houve um erro de julgamento", aponta ministro Zavascki
O ministro Teori Zavascki apontou um erro no julgamento do mensalão ao analisar os recursos de Breno Fischberg, que era corretor da empresa Bônus Banval. A defesa do réu pediu a redução de pena ao alegar desproporção com a pena atribuída a Enivaldo Quadrado, seu sócio na Bônus Banval. "O tratamento discriminatório revela de alguma forma que houve um erro de julgamento. Ou se beneficiou um réu ou se prejudicou um réu. Porque se deu para os mesmos fatos consequências jurídicas diferentes", disse o ministro. Ainda assim, ele rejeitou o recurso de Fischberg porque avalia que não cabe aos embargos declaratórios corrigir essa questão. (UOL)
Após o STF (Supremo Tribunal Federal) reduzir a pena de Breno Fischberg, ex-sócio da corretora Bônus-Banval, e livrá-lo da prisão em regime fechado, a advogada criminalista e professora da Escola de Direito do Brasil Paula Abucham Marino, que acompanhou a sessão desta quarta-feira (4) na redação do UOL, afirma que a decisão pode possibilitar a alteração das penas de outros réus do mensalão. Como ela explicou, muitos ministros justificaram que os embargos de declaração não eram o instrumento adequado para se rever esse tipo de argumentação. "Com a decisão de hoje, o entendimento se alterou e que os esses recursos podem sim alterar uma pena", relatou ela, que diz acreditar que assim como o ministro Teori Zavascki reiterou votos antigos, outros magistrados podem seguir esse mesmo caminho até o fim do julgamento. (UOL) 

Um bom vinho para a cadeia: Vc participaria deste escárnio?
:

Rosa Weber diz que embargo de declaração não faz justiça.

Meu comentário

Na foto, o desejo de Merval Pereira: Esquartejar Zé Dirceu e espalhar os corpos pela cidade
DA ALÇADA AO MENSALÃO - Nesse julgamento político, de exceção, já vimos de tudo e, como tá tudo dominado, é bem provável que os embargos infringentes sejam permitidos mas apenas para dizer que os réus tiveram direito a recorrer da sentença-lixo, pois pega mal num regime democrático um julgamento sem  que o réu possa recorrer, inclusive na Alçada, o tribunal de exceção que julgou os inconfidentes, os réus tiveram direito à clemência da rainha. Mas no julgamento do mentirão o Merval Pereira, uma espécie  de imperador, já avisou que não haverá clemência: Ele(Merval) está aguardando a cabeça do Zé Dirceu num prato, sob o rufar dos tambores do 7 de setembro, saboreando vinhos chiques, houve até uma enquete na CBN para a escolha da grife da bebida do deus Baco. Nem o Tribunal de Exceção de Nuremberg abusou tanto em termos de discricionariedades, inclusive ministros próximos a Hitler foram absolvidos por falta de provas. Mas o Merval é o Merval.
KENNETH MAXWELL
A Alçada
Em 17 de julho de 1790, a rainha Maria, de Portugal, estabeleceu um tribunal itinerante especial, ou Alçada, para julgar os conspiradores de Minas Gerais, detidos no Rio de Janeiro e em Minas, sem direito a visitas desde a traição na Inconfidência Mineira, em 1789.
Os prisioneiros incluíam Joaquim José da Silva Xavier, alferes nos Dragões de Minas e mais conhecido pelo apelido Tiradentes, e o desembargador Tomás Antônio Gonzaga.
O chanceler indicado para o Tribunal de Relação do Rio de Janeiro, desembargador Sebastião Xavier de Vasconcellos Coutinho, foi apontado para presidir a Alçada, formada também por Antônio Gomes Ribeiro e Antônio Diniz da Cruz e Silva, da Casa de Suplicação, que se juntaram a ele em Lisboa.
O chanceler Vasconcellos Coutinho foi instruído a ignorar "qualquer falta de formalidades [...] e invalidades judiciais [...] que possam existir nas devassas, e considerar as provas de acordo com a lei natural". A Alçada recebeu toda a autoridade necessária: "Não obstante todas as outras leis, disposições, privilégios e ordens em contrário, apenas para esta ocasião".
Em 15 de outubro de 1790, porém, a rainha enviou uma "carta régia", sigilosa, a Vasconcellos Coutinho recomendando clemência para os implicados na conspiração mineira, e as linhas gerais do sentenciamento haviam sido definidas por acordo antes que ele partisse de Lisboa.
Os conspiradores de Minas seriam exilados para Angola, Moçambique e Cabo Verde. Os padres seriam sentenciados em segredo e presos em Portugal. A exceção seria Tiradentes.
Com a reabertura da devassa no Rio, porém, logo se tornou evidente que muitos participantes que deveriam ter sido presos continuavam livres.
A ocasião mais dramática veio em julho de 1791, durante um confronto quanto aos testemunhos conflitantes do padre Carlos Corrêa e de Oliveira Lopes, antigo integrante dos Dragões de Minas.
Quando confrontado com relação a seu depoimento, Oliveira Lopes respondeu que havia "mentido sem objetivo, sem razão, porque quem não mente não é de boa gente". O chanceler ficou indignado. Considerou que a resposta fosse um ataque "à integridade e reputação dos magistrados de Sua Majestade". Oliveira Lopes respondeu que, "como homem rústico, nada mais podia dizer, ou tinha a responder".
Os membros da Alçada estavam sujeitos a influências externas -em um caso, inclusive, pelo pagamento de um grande suborno em ouro.
Ao final, Tiradentes foi sacrificado. E, se por acaso os processos da Alçada começam a lhe parecer estranhamente semelhantes com o mensalão, isso não deveria causar surpresa: de fato, são. Algumas coisas nunca mudam.
KENNETH MAXWELL escreve às quintas-feiras nesta coluna.
Tradução de Paulo Migliacci

Leia mais
A devolução dos mandatos de deputados cassados em 1948
Meu comentário
Como se vê, há uma luz no fim do túnel para os injustiçados no julgamento do mentirão, que me lembra o filme "O Processo", baseado na obra de Franz Kafka. Concordo com o jornalista Raimundo Pereira: Esse julgamento tem que ser anulado.

Miguel do Rosário: Lewandowskii é o novo relator do inquérito 2474
"(...) Os ministros continuam obedecendo caninamente aos barões da mídia. Ontem Merval Pereira argumentou que as manifestações do 7 de setembro terão como pauta principal a “prisão dos mensaleiros”. Não falou também que os defensores dessa pauta formam uma extrema direita minoritária junto à sociedade, derrotada politicamente e que defende a intervenção militar. O mesmo Globo que pede desculpas por ter apoiado à ditadura, se alinha novamente aos grupos que pedem uma solução de força. Globo e golpistas de rua novamente de mãos dadas, dessa vez pressionando o STF a esquecer o exame sereno dos autos e a busca pela justiça independente dos clamores linchatórios da turba.
Bem, ao menos temos agora uma novidade que pode se configurar uma reviravolta. O inquérito 2474, apelidado de Gavetão, onde se escondem todos os documentos que a Procuradoria e Joaquim Barbosa quiserem esconder do grande público, passou a ter um novo relator, o ministro Ricardo Lewandowski (...)"
Meu comentário

O Dr. Merval Pereira já bateu o martelo: Quer o Zé Dirceu preso até o raiar do 7 de setembro para que ele(Merval) possa receber sob o rufar dos tambores e com vinhos chiques a cabeça de João Batista num prato, com direito a alguma dançarinas, que tal Miriam Leitão, Eliane Catanhede, pq não "As Meninas do JÔ". Só sei que não temos mais nada a fazer a não ser denunciarmos todo santo dia esse julgamento injusto, essa sentença lixo tem que ser enfiada no c... do raposão Barbosa, inadmissível numa democracia, num Estado Democrático de Direito, a situação gerada pelo julgamento do mentirão, essa vingança política e de classe, esse  justiçamento(que não tem nada a ver com justiça), esse julgamento farsesco tem que ser anulado e devemos lutar por isso, essa luta demorará muito tempo mas é necessária, o povo brasileiro e o mundo precisa saber da verdade sobre como os réus foram vítimas do quarteto oposição-mídia-stf-mpf. Não podemos permitir isso, veja só, depois de décadas e décadas a Globo vem a público pedir desculpas por ter apoiado a ditadura mas continua no erro. Errou e continua errando prá que mesmo, prá pedir desculpas novamente daqui a 50 anos quando os réus que está sendo covardemente injustiçados já estiverem debaixo do chão. Não somente o povo brasileiro como o mundo precisa saber dessa bestialidade chamada julgamento do mentirão e lutar para que essa excrecência seja anulada. Presos políticos na democracia. Presos políticos pq o julgamento foi claramente político, de exceção, os réus tiveram seus julgamentos transformados em espetáculo midiático que transcorreu, de forma deliberada por um grupo politico, durante a campanha eleitoral. Houve clara violação aos direitos dos réus, tendo sido infringido as normas jurídicas internas e também internacionais, como por exemplo o Pacto de São José, que garante o duplo grau de jurisdição aos réus. Não podemos silenciar diante dessa injustiça. Temos que lutar desde já para que a Justiça seja  feita, pode demorar 10, 30, 30 ou 50 anos, o importante é que a verdade dos fatos seja posta e os réus condenados injustamente sejam reabilitados, da mesma que o foram recentemente Marighella, Jorge Amado e Maurício Grabóis
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/lewandowski-e-o-novo-relator-do-inquerito-2474
Folha de SP: Uma análise dos equívocos da decisão de Barroso
Meu comentário
Não me digam. Até a Folha supresa? Não sabe a Folha que o Dr. Barroso virou moleque de recados do Dr. Merval Pereira, o maior jurista de todos os tempos, nessas horas concordo com Barlusconi quando disse que nossos magistrados só  entendem de bailarinas, talvez até entendam de leis, mas serem justos e imparciais e outra história, tem que obedecer o manda-chuva, o Dr. Merval Pereira, aquele que aguarda com vinhos chiques a cabeça de João Batista numa bandeja,  não pode passar de 7 de setembro, assim decretou
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/uma-analise-dos-equivocos-da-decisao-de-barroso
Liminar de Barroso cria exceção fora da Constituição
Meu comentário
De fato quando lutava pelo cargo, o Barroso defendeu o respeito à CF. Agora sabe-se que tal postura era de mentira. Como se vê, foi garantista até o dia em que garantiu para si mesmo uma poltrona no STF, um cargão vitalício, foi só sentar o bundão nas aconhegantes poltronas do STf esqueceu-se do que havia dito momentos atrás, será a sina da bancada carioca do STF ou será devido à "vizinhança" com a Globo, se bem que o Ayres Brito, do Nordeste, também deu um jeito de ficar bem com os Irmãos Marinho 52 bilhões de reais, poderio diante do qual o Berlusconi é fichinha, falando nisso, ele( Berlusconi) foi eleito no clima da Operação Mãos Limpas e, de trambique em trambique ficou décadas sentado no trono, deve ser essa sensação de vitaliciedade que vicia esses imperadores do STF, reforma do Judiciário já, nós que pagamos os salários desses garotos de recado do Dr. Merval Pereira.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/liminar-de-barroso-cria-excecao-fora-da-constituicao
Maierovitch: Barroso fez desaparecer o artigo 55 da CF
Meu comentário
Fux, BARbpsa. BARroso.... Essa bancada carioca(da Globo) no STF é de tirar pica-pau do oco
STF ignora prova da inocência de Pizzolato no mensalão
Paulo Moreira Leite, na Isto É: Pizzolato é inocente
Com que vinho Merval Pereira receberá a cabeça de Zé Dirceu na bandeja?
Ministros do STF rejeitam recursos e mantém pena de Dirceu
Meu comentário
O JN tem que exibir Zé Dirceu algemado senão todo este empenho dos ministrins alguns deles votando contra suas próprias consciências, terá sido em vão. O Merval Pereira deve estar comemorando com vinhos importados, como manda a etiqueta da Casa Grande. Esse tipo de execração pública seria impensável fossem tucanos os réus, aliás, estes, num total de 79, foram excluídos da ação, outros tiveram direito ao duplo grau de jurisdição, sendo que o caso já foi considerado como caixa 2 eleitoral, mesmo se sabendo que o esquema não diferem em nada do esquema petista, estes herdaram o esquema do PSDB (teve até comemoração do Cachoeira quando este descobriu o esquema). Com a agravante de que o esquema tucano sangrou as estatais mineiras, houve uso de recursos públicos, sendo que no caso petista não, inclusive os empréstimos foram pagos. O esquema tucano ultrapassou a cifra dos 100 milhões de reais, mas gente fina é outra coisa né. Cabe a nós esclarecer a população sobre o comportamento destes bandidos de toga e exigirmos uma Comissão da Verdade STF para colocar essa podridão em pratos limpos.
A fala de Barroso sobre a condenação de Genoíno
Meu cometário
Só uma Comissão da Verdade STF para trazer à tona essa podridão da nossa Suprema Corte. Quer dizer, nossa não, da Globo. Ao que tudo indica, o Barroso teve uma conversa ao pé do ouvido com o Merdal Pereira, daí que foi silêncio geral da grande mídia quando da indicação de Barroso que, alerdeava aos 4 cantos que o mensalão tinha sido um "ponto fora da curva", mais um Fux matando no peito, pelo menos o Fux ainda disfarça um pouco o cinismo, enquanto que o Barroso consegue fazer gracejos com a situação: Lamento mas....

Lourdes Nassif: Uma análise da cobertura das decisões do Supremo
Meu comentário
No pé da matéria de manchete, três linhas em letras miúdas chamam para a sessão do ‘mensalão’, evidenciando fala de Barroso sobre lamentar por José Genoíno, mas pena será mantida, 
Me desculpem o termo mas esse Barroso é um grande fdp, pois reconhece o erro e a covardia contra os réus mas mesmo mantém a situação e faz isso no maior cinismo e até com gracejos: Lamento mas....Até entendo que os ministros estejam votando com a faca no pescoço, alguns devem ter feito um acordo com a emissora, daí que lamentam mas....acima do STF só a Vênus Platinada, uma página triste na história do Brasil esse julgamento farsesco.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/uma-analise-da-cobertura-das-decisoes-do-supremo
Por Miguel do Rosário: Carta aberta aos Ministros do STF
Excelentíssimos ministros do Supremo Tribunal Federal, peço-lhes que, pela primeira vez durante esse julgamento, leiam outra coisa que não as invectivas previsíveis de um Merval Pereira e semelhantes, e dêem atenção a uma opinião diferente sobre o julgamento da Ação Penal 470.
Tentarei ser breve. Os senhores estão cometendo um grave atentado contra a democracia brasileira, e produzindo os primeiros presos políticos da nossa redemocratização. E tudo porque? Para atender os interesses dos mesmos grupos que apoiaram e sustentaram a ditadura militar. E contra quem? Exatamente contra os mesmos que lutaram contra a ditadura.
Mas não só isso. Todos os réus da Ação Penal 470 são inocentes dos crimes principais que lhes são imputados: o uso de dinheiro público (peculato), formação de quadrilha e compra de apoio político.
Não houve dinheiro público. Leiam o Regulamento do Fundo Visanet.
Leia mais
Megacidadania: O mensalão não existiu
Thomaz Bastos diz que acusação é fraca e desviada dos fatos
Meu comentário
Sugerido por IV Avatar da Meia Noite
O mensalão não existiu. Jogue essa sentença no lixo e passe a lutar pela anulação da farsa do século que, sem a menor sombra de dúvida, cometerá uma injustiça contra pessoas honestas e verdadeiros guerreiros do Brasil. Não podemos permitir presos políticos no nosso país. Uma diminuição da pena não faz sentido, temos que lutar é pela anulação, desde já, e seremos vitoriosos sim, nem que essa vitória venha daqui a 10, 30, 40, 50 anos, mas um dia chegará, como chegou para Jorge Amado, Marighella e Maurício Grabóis, que tiveram seus mandatos restituídos, segue trecho de entrevista de MTB, na Época, sobre a farsa do mensalão:
Raimundo Pereira: O mensalão não existiu
http://anidabar.wordpress.com/2013/04/08/retrato-do-brasil-e-raimundo-pereira-sobre-o-mensalao
Sobre a contribuição de Luiz Barroso ao julgamento
Meu comentário
No pé em que está é perda de tempo se lutar pela redução de penas. Conforme defende o jornalista Raimundo Pereira, o mensalão não existiu e por  isso esse julgamento tem que ser anulado. É nesse ponto que devemos centrar nossas forças: A anulação dessa farsa, uma luta que não pode ter tempo para terminar, pode durar 1 ou 50 anos mas que a justiça seja feita. Quanto à redução das penas, os melhores advogados deste país estão lutando por isso e dificilmente terão sucesso pq a dupla Merval & Sardenberg quer comemorar com vinhos a prisão dos petistas.  Por essas e outras me recuso a debater essa sentença-lixo.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/sobre-a-contribuicao-de-luiz-barroso-ao-julgamento
A dupla Redator e Jornalista
Meu comentário
Não sei pq me lembrei da dupla Merval & Sardenberg..rss
Merval, Sardenberg e a ética dos guerreiros, por Luis Nassif
Na CBN, bate-papo de Merval Pereira e Carlos Alberto Sardenberg.
No ar, fazem uma aposta: Merval aposta que os mensaleiros serão presos até o final do ano; Sardenberg diz que só no ano que vem. A celebração é ampliada pelos ouvintes que prometem garrafas de vinho a quem ganhar, mas torcem por Merval.
Em tempos imemoriais, havia uma ética dos grandes guerreiros - para diferenciá-los daqueles que eram incumbidos de executar adversários moribundos no campo de batalha: o respeito ou, ao menos, o silêncio obsequioso em respeito ao adversário caído.
Com justiça, Merval tornou-se a referência jornalística para Celso de Mello e Luiz roberto Barroso.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/a-dupla-redator-e-jornalista
Paulo Moreira Leite: A ironia de Joaquim Barbosa ao PT
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/a-ironia-de-joaquim-barbosa-ao-pt
A carta de Manning sobre sua condenação
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/a-declaracao-de-manning-sobre-sua-condenacao
Banqueiro do propinoduto paulista vendeu apartamento a FHC
Meu comentário
Como é bom ser tucano nesse pais, pode-se roubar à vontade que ninguém vê, não vira notícia no JN, ah se teu nome fosse Lula
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/banqueiro-do-propinoduto-paulista-vendeu-apartamento-a-fhc
Diogo Costa: O mensalão não existiu
http://www.advivo.com.br/node/1051475
Padre Crispim: O "mensalão' não existiu
http://www.radiocoracao.org/artigos/pe-crispim-guimaraes/padre-crispim-escreve-o-mensalao-nunca-existiu
Luciano Martins: O "mensalão' não existiu
http://zezoferreira.blogspot.com.br/2013/07/balde-de-agua-fria-o-estadao-comeca.html
Video: Pedro Serrano: O mensalão não existiu
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=GQaPCzLZVNw
Lula: O mensalão não existiu
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=JgMs7jb8iCs
Marilena Chauí: O mensalão não existiu
http://www.youtube.com/watch?v=7Prt_q-nZFc
Ernani, ex-prefeito de Anápolis, no Domingo Espetacular, da TV Record: O mensalão não existiu
http://www.advivo.com.br/node/1479730
Bob Fernandes: O mensalão não existiu. O que existiu foi caixa 2
http://www.youtube.com/watch?v=nSYDYNNsgjM
Ainda sobre o marcatismo contra Vargas
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/o-radicalismo-da-imprensa-as-vesperas-da-morte-de-getulio
Suicidio de Vargas ecoa 59 anos depois
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/suicidio-de-vargas-ainda-ecoa-59-anos-depois
Cristiana Castro: Sobre o reexame das provas no julgamento
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/sobre-o-reexame-das-provas-no-julgamento
Meu comentário
A questão central não é: Houve ou não houve mensalão?  Não há sequer uma prova, sequer um indício de que algum deputado tenha sido comprado para votar as reformas de Lula que, como se sabe,  tiveram o voto inclusive da oposição. O que há é um caminhão de provas atestando que o que houve foi prática de caixa 2 para campanha eleitoral. O correto seria terem cassado, naquele momento,  o Bispo Rodrigues e demais envolvidos. Ocorre que a oposião viu no caixa 2 do PT uma oportunidade para solapar as conquistas do povo brasileiro e por isso o pig-pgr-stf entrou em campo para construir sua própria tese e esticar a novela com fins políticos e por isso construiu e sustentou e continua sustentando sua tese furada, o que faz com a ajuda das marionetes teleguiadas que se pavoneiam na rede.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/analisando-a-condenacao-de-bispo-rodrigues
As explicações de Celso de Mello para Merval Pereira
Meu comentário
Acima do STF só a Globo, não é mesmo ministro Barroso, vc mesmo que está votando contra a sua própria coinsciência, ou seja, sabendo que está votando errado, só para não contrariar a Globo, imperatriz (para não dizer metriz) do Brasil. 
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/as-explicacoes-de-celso-de-mello-para-merval-pereira
Aa celeridade dos ministros do Supremo
Meu comentário
Barbosa só tem disposição e saúde para  o "mensalão", antes do julgamento o homi só vivia de licença médica e durante todo esse tempo não adoeceu não, a não ser no final da primeira fase do julgamento farsesco quando de repente inventou que teria que ir à Alemanha se submeter a umas massagens, só que fez isso como desculpa para entecipar o julgamento pq a Globo queria uma imagem do Dirceu algemado como propaganda para derrotar Haddad e demais candidatos do PT Brasil afora. Dissimulado como sempre foi, Barbosa foi apresentado a Lula como pessoa isenta e competente e isento e Lula por seu turno, republicano que é, indicou-o. E não foi fácil o Barbosa foi aceito, a Veja chiou, logo logo o Policarpo Jr fez uma longa matéria sobre os "problemas de Barbosa", dentre eles seu perfil truculento, aquela história de que batia em mulher, etc. só sei que Lula terminou indicando para o STF um inimigo
político figadal. Mas, como disse Cazuza, o Tempo Nâo Pára, os dados ainda estão rolando, a tua piscina está cheia de ratos.

A foto é da época em que o Barbosa não era queridinho do pig, quando se mostrava os podres do moço, sendo que hoje se construiu uma falsa imagem em torno dele, não é à toa que os jovens o tem como exemplo,  santo deus
Sobre as denúncias e provas contra o Bispo Rodrigues
Meu comentário
O PL era da coligação petista. O PT tinha interesse em ampliar sua base no Congresso para a aprovação das reformas de Lula. Por isso aderiu a um esquema de caixa 2, que havia sido criado pelos tucanos. Todos os partidos, sem exceção, praticavam caixa 2 eleitoral e o PT cometeu o erro de aderir ao esquema. Foi isso o que ocorreu, e o PT nunca negou e fez autocrítica e defendeu que se acabasse com a causa, ou seja, o financiamento privado de campanhas eleitorais. Que as pessoas tenham mum mínimo de honestidade ao tratar deste assunto. Justiça boa é justiça justa e o justo seria terem condenado os reús com base na prática de caixa 2 mas isso não foi feito pq se trata de crime prescrito e por isso o trio pig-pgr-stf e oposição vieram com essa mentira segundo a qual o PL teria se vendido em troca de apoio à aprovação das reformas de Lula. Não foi isso, foi sim negociata tendo em vista as campanhas eleitorais. Até o PSDB votou nas reformas de Lula. Os tucanos também receberam 'mensalão de Lula" para votar tais reformas? Quem fez isso foi FHC, há provas, mas gente fina é outra coisa. E olhe lá que mesmo se o PT tivesse comprado parlamentares para aprovar mudanças e melhorar este pais, isso teria sido acertado, até Lincoln fez isso nos EUA, caso contrário a abolição da escravatura não teria sido aprovada no Congresso. Um mínimo de honestidade ao comentar, por favor.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/sobre-a-denuncia-e-as-provas-contra-bispo-rodrigues

As limitações de Luiz Roberto Barroso
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/as-limitacoes-de-luiz-roberto-barroso

Espetáculo midático no STF faz parte do espírito da época
Meu comentário
Ivan, bêbados de boteco ja foi assunto qdo o Barbosa era queridinho do pig 
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/espetaculo-midiatico-no-stf-faz-parte-do-espirito-da-epoca
Por unanimidade STF mantém pena de Delúbio Soares
Meu comentário


O ministro Joaquim Barbosa, relator da ação penal, negou o recurso e disse que, no julgamento, ficou claro que o ex-tesoureiro “foi um dos autores dos pagamentos feitos a parlamentares”. 
Kd os parlamentares que foram comprados para votar nas reformas de Lula. Eles não existem pq há caminhões de provas que atestam a inexistência do tal mensalão. Houve sim caixa 2 para campanha eleitoral, o que foi convertido em crime pelo trio oposicionista pig-pgr-stf. Brasil república de bananas
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/por-unanimidade-stf-mantem-pena-de-delubio-soares
Sobre a participação de Luiz Barroso
Meu comentário
Eu me pergunto: Pq praticamente todos os ministros do STF são do RJ ou tem uma ligação muito forte com o Estado? Não é por coincidência que os Irmãos Marinho 52 bilhões de reais tem no Estado seu quartel general. Aí me lembro de Roberto Lyra Filho, que deu uma palestra num Encontro Nacional de Direito, do qual participei. Lyra Filho, do RS, criou a Nova Escola Jurídica, que influciou o pensamento jurídico daquele Estado no sentido do avanço e da Justiça. Não é por outro motivo que a Dra. Berenice, pioneira na defesa dos homoafetivos, veio de lá. Será que o próximo ministro do STF virá do RJ? A Globo decide. Acima do STF só a Globo com o Merval Pereira matando no peito...rss
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/sobre-a-participacao-de-luiz-barroso

Barrroso deverá se posicionar durante a análise dos embargos
Meu comentário
Covardia! É o termo correto para dizer de alguém que vota contra sua própria consciência pq há algum "motivo de força maior", os réus que se danem e puxem anos e anos de cadeia por crimes que não cometeram. Eu que já fui membro de Tribunal do Juri sei o quanto é doloroso se condenar alguém sem que se tenha certeza da prática do crime. E os ministros sabem que o que houve foi caixa 2 eleitoral e não suborno para que se votasse nas reformas de Lula, nas quais até  o PSDB voltou, e ai, kd os deputados comprados para votar, por exemplo, na Reforma Tributária. É muita cara de pau, desculpem-me o termo, mas são mesmo uns FDP.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/barroso-devera-se-posicionar-durante-a-analise-dos-embargos


Mídia liberou ministros para enquadrar Barbosa

Meu comentário


Ficou parecendo que Barbosa é uma figura muito boa, que bate mas sopra logo em seguida. Vi ontem a carinha dele das mais dissimuladas. Um verdadeiro psicopata. Barbosa não dá um passo sem pensar na sua candidatura ao Palácio do Planalto, seja como cabeça chapa, vice de Aécio Neves, senador, o que seja. E negará isso de pés juntos até que vença o prazo para desincompatiblização que, para funcionário público é de 6 meses antes da data da votação, parece-me que sim. Vcs viram ontem os telejornais anunciando desde cedo que um homem armado teria se aproximado de Barbosa. Só lá pela madrugada informou-se que o tal "homem armado" era um policial civil. Vc acredita mesmo que os seguranças de um ministro do STF deixam-no entrar num elevador público com desconhecidos? É muita cara de pau. O homi é uma farsa de cabo a rabo.
Um julgamento fora da curva ou uma mudança de rota?
Meu comentário

Trocando em miúdos: Preserve-se a "imagem" do STF, ou seja, não desmanchem os erros para não constranger os ministros. Os réus inocentes que se danem: Joguem-nos nas masmorras onde deverão cumprir longos anos de cadeia por terem praticado o crime de serem da base aliada. Os tucanos, que também votaram nas reformas de Lula, do que se depreende que também foram "comprados" também não deveriam estar indo pro xilindró? O que sabe-se e há um caminhão de provas é que o que houve foi prática de caixa 2  eleitoral, coisa que todos continuam fazendo na maior cara de pau. Esse pais não muda, com a Globo acima do STF, não. Falando em mídia, Barbosa é uma farsa de cabo a rabo e é assim que sua candidatura está sendo cosntruída, senão vejamos: Os telejornais desta noite colocaram em suas chamadas que um homem armado teria se aproximado de Barbosa. Quantos milhões de brasileiros no momento estão imaginando que algum petistas tentou contra a vida de Barbosa? Calma gente, era um policial civil que se encontrava no mesmo elevador de Barbosa, o que assusto os seguranças. Gente, vocês acreditam mesmo que os seguranças de Barbosa iriam deixar desconhecidos, ainda mais armados,  no mesmo elevador de Barbosa? Muito mas muito estranho mesmo o que há por trás dessa farsa chamada "mensalão", parece-me que, para destruir o PT e solapar as nossas conquistas não interessas os meios os quais estão sendo usados.

Ministro Barbosa, que celeridade?
"Na sua peroração ao abrir os trabalhos de hoje o Ministro Presidente deu como alto valor a defender na sua condução a ""CELERIDADE". Celeridade não é um valor,  que adianta um tribunal ser rápido e injusto? Celeridade não tem nada a ver com justiça, não é um valor por si só. Não deu para entender porque o Ministro Presidente acha que a "celeridade" deve ser celebrada, depende celeridade para que."(André Araújo)
Juiz não é gestor nem gerente. Ele deve julgar. E bem!, por Por Lenio Luiz Streck, no Conjur
http://www.advivo.com.br/node/1477358

Miguel do Rosário: As chicanas da Globo para roubar o Brasil
http://www.ocafezinho.com/2013/08/20/as-chicanas-da-globo-para-roubar-o-brasil/
Cristiana Castro: Julgamento do "mensalão" desrespeita Estado de Direito
"(...)Esse julgamento é político, Ministro, daí que confunde o pessoal, não adianta, depois dizer que está falando de processo civil e que não tem nada a ver com a AP 470, porque amanhã o Merval pega isso e diz que até o garantista do STF falou que os EMBARGOS DA AP 470 tem caráter, meramente, protelatório, o que é um absurdo, né, Ministro porque até agora, os réus ainda não tiveram direito a defesa... Só mais uma coisa, não foi boa ideia dizer que Lewandowski representa, em plenário, uma parcela da sociedade ou de sua opinião... porque o sr sabe que parcela é essa, né? Quadrilheiros, mensaleiros, caloteiros, petralheiros, farofeiros,maconheiros macumbeiros.. Aí enfraquece. Quando eu ouvi isso, meu estômago congelou. O cara quase apanhou na rua, por causa disso... Além disso, se a gente for imaginar que cada ministro representa uma parcela da sociedade, vamos ter que admitir que a esmagadora maioria da sociedade brasileira abomina o Estado Democrático de Direito(...)"
http://www.advivo.com.br/node/1477335

Nassif: A estréia de Luiz Roberto Barroso

Meu comentário
Perdi a esperança e fiquei extremamente decpcionado com Barroso quando o vi afirmar ser errado e deproporcional uma pena de mais de 12 anos aplicada a uma ré(não me lembro o nome agora) mas no entanto, na hora de votar, votou com o relator. O que é isso senão votar contra a própria consciência? Ele(Barroso) está votando segundo a consciência de quem? Do Merval Pereira? No momento o poder militar foi substituido pelo poder descomunal da Rede Globo, cujos donos acumulam mais de 52 bilhões de reais, por isso não vimos Merval Pereira criticando a indicação de Barroso: O artigo "A Máfia dos Bacharéis", de Mauro Santanyana, publicado em 2006 na Carta Maior, nunca foi tão atual, a conferir:
"(...)Quando, enfim, os bacharéis mais reacionários ocuparam o poder com os militares, coube-lhes encontrar as fórmulas jurídicas para defender o estupro do Estado de Direito. Totalitários por sua natureza, Carlos Medeiros da Silva e Francisco Campos, antigo fundador da corporação fascista “Legião de Outubro”, e redator solitário da Constituição de 1937, redigiram o Ato Institucional, em que se valiam do argumento absoluto da força. Em sua visão do Direito, a Revolução (na verdade apenas um golpe militar clássico) se legitimava por si mesma, ou seja, pela sua vitória sem combate. Outros juristas, como Gama e Silva e Alfredo Buzaid dariam seu aval à Ditadura. Esses fatos servem para realçar a corajosa resistência democrática de tantos outros grandes advogados, alguns até mesmo de origem oligárquica, como Victor Nunes Leal e Evandro Lins e Silva, perseguidos sistematicamente pelo Poder. A partir de certo momento, os advogados, em sua maioria, decidiram partir para a resistência. A bomba contra a OAB atesta essa bravura.

O “corrupto” Juscelino sofreu todas as perseguições conhecidas. Foi humilhado por um interrogatório movido por oficiais inferiores. Reproduzia-se, de alguma forma, o que pretenderam os golpistas contra Getúlio, ao instaurar Inquérito Policial Militar em uma dependência da Força Aérea: a fim de o interrogar, julgar e condenar o Presidente - também sob o pretexto da corrupção – com o aplauso da UDN dos bacharéis. Getúlio os venceu, ao denunciá-los em sua Carta Testamento e na corajosa decisão de deixar a vida. E tanto os venceu que seu sucessor, Juscelino, retomou seu Projeto Nacional.

Hoje, o cerco é contra o presidente Lula. A imprensa, de modo geral, se soma aos bacharéis da velha UDN, que trocou de nome, mas não de alma. O desvario da chamada “opinião publicada” chega aos limites da insânia: o Procurador Geral da República entrou no clima geral. Na realidade – e se trata também de um crime, que deve ser combatido – houve o uso de recursos do chamado Caixa Dois. Esse é um velho mal do sistema político brasileiro e de outros sistemas (o caso norte-americano é exemplar). Se formos andar para trás, chegaremos a Mauá e ao financiamento que sempre fez aos candidatos da Monarquia, da qual – não obstante seus conhecidos méritos – foi sócio privilegiado(...)"(http://www.cartamaior.com.br/templates/colunaMostrar.cfm?coluna_id=3048)


Nassif: Celso Mello defende embargos infringentes na AP 470

Meu comentário
Os Irmãos Marinho 52 bilhões de reais, que estão acima do STF, já mandaram seu recado via Merval Pereira: Não aceitarão os embargos infringentes. Hitler deve estar se revirando no túmulo.

Celso e Marco Aurélio Mello repõem a dignidade do Supremo
Meu comentário
Todos fazem belos discursos e reconhecem os erros desse julgamento farsesco mas na hora de votar votam com o relator Barbosa. Acima do STF só a Globo.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/celso-e-marco-aurelio-de-mello-repoem-a-dignidade-do-supremo
Entendendo a rejeição dos embargos do bispo Rodrigues
Meu cometário
O PT, como pessoa jurídica de direito privado, contraiu empréstimo junto a rede bancária e os quitou. O dinheiro foi usado na campanha de candidatos da base aliada. Isso é caixa 2 eleitoral, como demonstrou o Diogo Costa. Nada a ver com propina para compra de votos para aprovação das reformas de Lula, isso está claro e provado nos autos. Essa coisa de propina foi uma construção mental muito bem montada pela direita e seu aparato midiático para solapar as conquistas do povo brasileiro nos últimos anos através do PT. Barbosa, uma figura cuja casa tem telhado de vido vendido como uma espécie de salvador da pátria, que nojo. Só sei que temos que pensar desde já o que fazermos para levar ao povo brasileiro toda a verdade sobre esse julgamento farsesco.


Paulo Moreira Leite: Biografia de Dirceu: Sem Dignidade

Nassif: Não haverá como o STF não enfrentar o caso Joaquim Barbosa
Meu comentário
Barbosa não dá um passo sem pensar no seu projeto político, daí que trabalha com imagens, com o imaginário popular, daí o uso do termo "chicaneiro' para atacar Lewandowski. Para o povão, cujos votos o Barbosa cativa, chicaneiro é sinônimo de "chincheiro': “1- traficante de maconha; 2 que ou aquele que é viciado em ou faz uso de maconha; chincheiro.” (Houaiss). Só que Barbosa está numa situação tão confortável para pintar e bordar nesse julgamento farsesco pois que quanto mais pitis ele der estará arranjando um "motivo justo" para renunciar ao STF e sair nos braços do povo rumo ao Palácio do Planalto. Induzido a erro, Lula mandou para o STF não um juiz mas um figadal inimigo político, o Brasil não merece esse arremedo de juiz na Suprema Corte.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/nao-havera-como-o-stf-nao-enfrentar-o-caso-joaquim-barbosa
Miguel do Rosário, em seu blog
"(...) Se as ruas querem, portanto, um alvo, um foco. Se as pessoas precisam de algo para odiar, e extravasar essa frustração insuportável de vivermos num país tão rico, tão cheio de oportunidades, e ainda tão atrasado em termos de serviços públicos, não se esqueçam das Organizações Globo e da família Marinho, com sua fortuna pessoal de 52 bilhões de reais. Não esqueçam que a fragilização da classe política e do governo fortalece, por tabela, os grupos privados, os bancos, os especuladores e a mídia. Foi assim que Berlusconi ascendeu politicamente na Itália. O que não significa que governo e políticos não devam ser criticados. Devem sim, claro, mas justamente por se acovardarem perante os meios de comunicação.
O Brasil precisa de uma regulamentação da mídia que reduza o poder da família Marinho, pela simples razão de que é antidemocrático, injusto e contraditório que um grupo privado, cujas forças nasceram do arbítrio e portanto da mais abjeta corrupção, detenha uma hegemonia desproporcional sobre o debate político. A Globo não pode ser comparada à nenhuma imprensa de país desenvolvido, porque em nenhum deles há uma empresa de mídia que detenha um poder político e financeiro tão grande(...)"
http://www.ocafezinho.com/2013/08/19/o-7-de-setembro-e-a-tristeza-de-flaubert/
Quem lê blog sabe primeiro: UOL publicou sobre a fortuna dos donos da Globo com 50 dias de atraso
http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com.br/2013/08/quem-le-blog-sabe-primeiro-uol-publicou.html
Edú Pessoa: As três fases da dosimetria da pena
"(...) Quem tem senso de justiça, mesmo na divergência ideológica, acha a dositometria na AP 470 ilógica. Para quem trata o caso como ele é hoje, ou seja, um golpe político via Judiciário, a falta de lógica na aplicação das penas faz todo o sentido.
O objetivo principal precisa ser alcançado: destruir o projeto político do PT. Às favas com falhas processuais e legais, embargos, apelações e outras "churumelas" jurídicas, afinal, destruir o PT via STF é a tara daqueles que não conseguem ganhar dentro do jogo democrático. Incluindo o ministro Barbosa(...)"
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/as-tres-fases-da-dosimetria-da-pena
Barbosa deverá informar ordem da análise dos recursos hoje

Meu comentário
A depreender da atuação de Barroso, o qual reconhece os erros e abusos desse julgamento farsesco mas vota com o relator Barbosa, os próximos capítulos serão o mais dos mesmos: Ferro nos "mensaleiros". Acima do STF só as Organizações Globo, juiz votando conforme suas próprias consciências nem pensar. O JN tem que exibir os petistas algemados, uma bela imagem para a campanha de 2014 nessa tara de destruir o PT. Depois da ditadura de 64, de novo, agora sob a ditadura da Grobo, nem a história de vida dos réus em favor do povo brasileiro nem o fato de serem réus primários, de não terem cometido crimes anteriormente, de não terem se enriquecido, etc, serviu de atenuante, pelo contrário, Barbosa usou de truques para aplicação de penas em regime fechado, tudo isso é muito revoltante, pois sabemos a prática de caixa 2 eleitoral continua sendo praticado nesse país, nem mesmo o fim do financiamento privado é defendido por esses moralistas de plantão, nem o Tribunal de Exceção de Nuremberg que absolveu réus contra os quais não havia provas concretas, foi tão abusivo e discricionário.

Sobre o depoimento da ex-gerente de mídia do Banco do Brasil
Meu comentário
BARBOSA, O ANALISTA DE BAGÉ - Sabe o Analista de Bagé, quando ao final o médico psiquiatra obecedo por prender loucos, descobre que ele próprio é um louco e se trancafia também. Pois Barbosa deveria fazer o mesmo. Se não vejamos: Se Barbosa fosse justo não somente o próprio Barbosa como o filho dele, o Felipe, iriam pra cadeia. Fosse justo como? Se usasse em si mesmo a régua que tem usado para medir a honestidade dos "mensaleiros" apontados pela Globo. E por acaso Barbosa não condenou João Paulo Cunha por constituir offshore para compra de imóvel, coisa que   Barbosa também fez? E o filho de Barbosa também recebeu uma bolada do Visanet via DNA Propaganda, deve ser por isso que ele(Barbosa) andou escondendo alguns documentos, algumas provas. Isso é caso para ser resolvido por uma Comissão da Verdade, não podemos ter nesse pais presos politicos, os brasileiros precisam saber de toda a verdade:
Empresa investigada por receber R$ 2,5 milhões de Marcos Valério contratou filho de Joaquim Barbosa, por Helena Sthephanowitz, na Rede Brasil Atual
felipebarbosa
Se Barbosa é relator da ação que envolve Valério, não deveria ter mais atenção a este tema?
O grupo Tom Brasil contratou Felipe Barbosa, filho do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, para assessor de Imprensa na casa de shows Vivo Rio, em 2010. Até  poucos dias atrás, antes de ele ir trabalhar na TV Globo com Luciano Huck, Felipe ainda era funcionário da Tom Brasil.
Nada demais, não fosse um forte inconveniente: a Tom Brasil é investigada no inquérito 2474/STF, derivado do chamado "mensalão", e o relator é seu pai Joaquim Barbosa. Este inquérito, aberto para investigar fontes de financiamento do chamado "mensalão", identificou pagamento da DNA propaganda, de Marcos Valério, para a Casa Tom Brasil, com recursos da Visanet, no valor de R$ 2,5 milhões. E quem autorizou este pagamento foi Cláudio de Castro Vasconcelos, gerente-executivo de Propaganda e Marketing do Banco do Brasil, desde o governo FHC. Estranhamente não foi denunciado na AP-470 (chamado "mensalão") junto com Henrique Pizzolato.
Outra curiosidade é que um dos sócios do grupo Tom Brasil, Gladston Tedesco, foi indiciado na Operação Satiagraha, sob a acusação de evasão de divisas como cotista do Opportunity Fund no exterior, situação vedada a residentes no Brasil. Ele negou ao jornal Folha de S. Paulo que tenha feito aplicações no referido fundo.
Tedesco foi diretor da Eletropaulo quando era estatal em governos tucanos, e respondeu (ou responde) a processo por improbidade administrativa movida pelo Ministério Público.
Pode ser só que o mundo seja pequeno, e tudo não passe de coincidência, ou seja lobismo de empresários que cortejam o poder, embora o ministro Joaquim Barbosa deveria ter se atentado para essa coincidência inconveniente, dada a sua dedicação ao inquérito. Entretanto, não custa lembrar que se o ministro, em vez de juiz, fosse um quadro de partido político, o quanto essa relação poderia lhe causar complicações para provar sua inocência, caso enfrentasse um juiz como ele, que tratou fatos dúbios como se fossem certezas absolutas na Ação Penal 470. Também é bom lembrar que o ministro Joaquim Barbosa já declarou que não tem pressa para julgar o mensalão tucano, no qual Marcos Valério é acusado de repassar grande somas em dinheiro para a campanha eleitoral dos tucanos Eduardo Azeredo e Aécio Neves.
Barbosa ainda não pensa em pedir desculpas a Lewandowski
Meu comentário
Barbosa não respeitou nem mesmo o sentimento de pesar que era expressado por Lewandowski ao ministro cuja mãe havia falecido. Ainda quero ver alguém que goza do principio da infalibilidade papal reconhecer os próprios erros, acima desse aí só as Organizações Globo e mais ninguém, fora o fato de que ele deverá consultar seu marqueteiro prá ver se ganha ou se perde votos se pedir desculpas e, como ele tem ganhado simpatia popular por seu jeito truculento e injusto, é bem provável que não peça desculpas, vamos ver o que lhe dirá seu marqueteiro.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/barbosa-ainda-nao-pensa-em-pedir-desculpas-a-lewandowksi

STF lembra um realty show, afirma cientista politico
Meu comentário
Ministros como Barroso e outros estão votando contra suas próprias consciências por causa do rolo compressor da Globo. Isso ficou bem claro quando Barroso considerou desproporcional uma pena aplicada a uma ré mas votou com o relator Barbosa. Enfim, acima do Supremo só a Globo. Fora deste rolo compressor não há nada, por isso é bom que tenhamos esta possibilidade de um programa informativo como Brasilianas.org para mostra o outro lado da moeda e sejam convidados especialistas alijados pela grande mídia, o Nassif fez isso quando debateu o julgamento do 'mensalão"

A estranha lógica do TTF
Meu comentário
Não tem lógica. Mas o juiz tem razões que o próprio autor desconhece.
Vendo os discursos e os votos de Barroso dá prá ver claramente que ele classificou o julgamento como exagerado, ponto fora da curva, chegando a afirmar no plenário que achava um abuso pq desproporcinal a pena aplicada a uma ré, não me recordo o nome dela agora. Mas qual foi a atitude de Barroso na hora de votar senão seguir o relator? Isso é bem sintomático e demonstra que,  acima do STF há um tribunal mais poderosos: As Organizações Globo. Não é mesmo Minstro Barroso.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/a-estranha-logica-do-stf

Sobre as fraudes no pagamento do "bolsa pescador"
Meu comentário
Não estou a par do assunto mas gostaria de acrescentar que por se tratar de seguro de risco e em contrapartido o pagamento para ter ser amparado em caso de ficar desempregado, tal benefício deveria estar sob o âmbito da Previdência Social e não do Ministério do Trabalho. Esse seguro para os pescadores, denominado pejorativamente de "Bolsa Pescador", com certeza se insere nesta lógica do seguro-seguro desemprego. Quanto ao dinheiro nas mãos do povo sou a favor  e acho errado essa coisa de apelidar estes benefícios sociais de bolsa isso bolsa aquilo pq não são "bolsas" e sim direitos sociais,  claro que as fraudes devem ser combatidas, e vamos combater também as fraudes bilionárias do empresariádo, os bilhões que devem ao INSS e ao fisco, são meio trilhão de reais em débitos, pago esta dívida, depois conversamos sobre a "bolsa pescador"
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/pagamentos-do-bolsa-pescador-podem-atingir-quase-r-2-bi
Outro relato de um ex-integrante do Fora do Eixo
Meu comentário
Pronto, o Nassif abriu o tampa do esgoto, o que vai pintar de troolls por aqui não tá no gibi. Ai um post que é um verdadeiro chamariz para essas figuras prá lá de "justas" e "imparciais", me engana que eu gosto. Risível se notar que uma Cláudia Leite que capta somente num ano mais de 5 milhões de reais para cacarejar por aí não é motivo de críticas mesmo que tenha dado o tombo nos prestadores de serviço, o problema são os capilés da vida, quem mandou a periferia ousar? O problema é que a Casa Grande sabe muito bem como construir os Tribunais de Justiçamento neste pais, começa semprer assim, com esses relatos a la Reader´s Digest, sempre a periferia na roda, esqueçam de Cláudia Leite, Itaú 18 bi, Aécio Neves 4 bi, estes tem toda a proteção da Casa Grande, vai encarar. Certos relatos de ex-FdE me lembrarm a Reader´s Digest:
Seleções do Reader's Digest, 1954-1964: um mapa da intolerância políticaAutor: Silvio Luiz Gonçalves PereiraAno: 2006Resumo / Abstract: 
Este estudo teve como objetivo analisar a atuação da revista mensal brasileira Seleções do Reader's Digest entre os anos 1954 e 1964, publicação norte-americana sob a responsabilidade da Editora Ypiranga S.A., na propaganda ideológica pró-Ocidente durante os anos da Guerra Fria. Apoiando-se na questão da intolerância política, a pesquisa percorreu dois caminhos. No primeiro, foram selecionados para análise e discussão os artigos que veiculavam a temática anticomunista, buscando com isso apreender alguns elementos que envolviam as disputas entre os Estados Unidos e a União Soviética durante a guerra fria, e as representações que os norte-americanos construíam sobre seu opositor, tentando justificar a superioridade da democracia e das liberdades existentes no ocidente, frente à tirania presente nos regimes comunistas. A ostensiva campanha anticomunista que orientava as ações do Reader's Digest nos diferentes países, acompanhando a mesma configuração geopolítica da guerra fria, ou seja, o "cordão sanitário" promovido pelos Estados Unidos em torno dos países comunistas, negava os esforços para o estabelecimento de uma efetiva coexistência pacífica. A discussão da intolerância política, desembocando necessariamente na questão dos direitos, exige uma investigação mais profunda do aparato jurídico-político. Assim, o outro caminho percorrido pela pesquisa constituiu-se na análise das relações entre Seleções e o mercado brasileiro da imprensa e suas articulações com o campo político-parlamentar, tendo por base os trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito - CPI n° 33/63, formada em julho de 1963 na Câmara dos Deputados Federais para investigar a atuação das revistas estrangeiras no país.
Para acessar o texto clique aqui
Juca Ferreira condena linchamento do Fora do Eixo
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/juca-ferreira-condena-linchamento-do-fora-do-eixo
A verdade sobre Cuba: Números que gritam e números que enganam
"(...)Ao contrário do que faz crer o senso comum de um leitor das mídias tradicionais brasileiras, e mesmo internacionais, as nações que mais se destacaram nos últimos anos no continente foram justamente aquelas cujos governos vêm sendo mais atacados nesses veículos(...)"
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/analise-sobre-o-desenvolvimento-humano-em-cuba-desde-2000
Nassif: Programa discute os modelos do Fora do Eixo e da Mídia Ninja
Meu comentário
Não é esta a primeira vez que o Nassif chama para o seu programa pessoas para se defenderem quando acuadas pelo rolo compressor da grande imprensa, qual o problema, ele deveria ter chamado o Reinaldo Azevedo? Com certeza, quando o debate se esquilibrar, o Tio Rei será convidado...rss
Bom que tenhamos esta possibilidade de um programa informativo, que sejam convidados especialistas alijados pela grande mídia, o Nassif fez isso quando debateu o julgamento do 'mensalão"

http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/programa-discute-os-modelos-do-fora-do-eixo-e-da-midia-ninja
Fotografia: Os ninhos, por Sharon Beals
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/os-ninhos-fotografados-por-sharon-beals
Luciano Martins Costa, no OI: O linchamento da Mídia Ninja
Meu comentário
R$ 60.000,00 (sessenta mil reais). Pronto, agora o mundo vai desabar sobre a periferia, mais uma vez aquele velho lenga lenga de que a lei é igual prá todos, sei..;;;
Quero um "songegômetro' ao lado do "impostômetro", por Leonardo Sakamoto, em seu blog
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/o-linchamento-da-midia-ninja-por-luciano-martins-costa
Cristiana Castro: Os ministros do STF e o debate de idéias no Direito
Meu comentário
Barroso considera o mensalão como "ponto fora da curva", deixou isso claro nos seus votos, bem como da sabatina para o cargo. O que é estranho é que, mesmo ele considerando abusivo o que se passa no STF, tem sacramentado o que foi decidido de forma errada (segundo o próprio Barroso). Inclusive achou errado uma pena para uma ré, não me lembro o nome agora, que ele considerou uma pena desproporcional, mas votou com Barbosa. Será que Barroso se parece com Barbosa não apenas no nome. É isso este STF que vota com a faca no pescoço. Triste ver que a Suprema Corte deste pais é comandada pelas Organizações Globo. Não ha saída prá isso? Nós que pagamos os salários destes senhores temos que aguentar até quando mesmo. Não busco impunidade e sim justiça e cadeia para quem de fato cometeu crimes e se querem mesmo que os verdadeiros corruptos deste país puxem anos e anos de cadeia, que tal começar pela própria Globo e suas histórias escabrosas de sumiços de processos para dar o tombo no fisco, mas gentte fina é outra coisa né: Ferro na periferia.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/os-ministros-do-stf-e-o-debate-de-ideias-no-direito
Dilma: Aprovação da Lei dos Royalties é vitória histórica
Meu comentário
Agora é torcer para que os abutres que espalham primaveras a la Egito mundo afora não tomem isso de nós. Não é por outro motivo que os mercenários "Anonymous' classificam o Brasil como "ditadura política' tal qual a de Mubarak, de forma que não tenham a menor sombra de dúvida de que, ontem o laboratório foi o Egito, hoje é o Brasil, e temos muito mais a oferecer às famintas aves de rapina.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/dilma-aprovacao-da-lei-dos-royalties-e-vitoria-historica
Jornal do Brasil: Sobre os protestos e a desmoralização do governo no RJ
Meu comentário
Qual a relação entre o quadro cada vez mais caótico do RJ e o "Método Passo a Passo" de Gene Sharp? Este método trabalha com duas alternativas: Manter o estado permanente de protestos de forma a minar a economia até a queda do governo e, se isso não der certo, instala-se uma guerra civil. Há quem pense que isso não ficará restrito ao RJ, ledo engano, o RJ pode ser (espero estar redondamente enganado) o laboratório, a falgulha na pradaria, a porta aberta para o caos
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/sobre-os-protestos-e-a-desmoralizacao-do-governo-no-rj
Companheiro de Greenwald, brasileiro é detido em Londres
Meu comentário
Já começou de forma descancarada a ditadura mundial comandada pelos EUA? Pensei que eles fossem disfarçar mais um pouco. Como se vê, com direito a AI-R (sic, AI-5), cuidado Ivn Moraes, não transporte pen-dives, não use emails, fico cada vez mais curioso que segredos em mãos de Snowden são tão perigosos a ponto de se formar o cerco a quem ouse chegar perto dele(Snowden), como se vê, as ameaças e intimidações se estendem aos familiares de quem tem contato com o espião dissidente.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/companheiro-de-greenwald-brasileiro-e-detido-em-londres
Em condomínio de passarinhos a síndica é a natureza
Meu comentário
Ontem vi um caboré na praça, ele tava que cantava, fiquei observando-o, quando cheguei perto ele entrou num buraco que ele abriu sob uma laje, foi quando vi o quanto ele é bobinho, se eu quizesse pegá-lo seria facílimo mas não posso fazer isso pq na realidade spin não há nenhuma contradicção entre os sócios da sociedade(leia-se cidade-estado) que são os animais, seres humanos e pessoas jurídicas. Antigamente, não nego, eu não tinha essa percepção que muito Brasil afora continuam não tendo, de forma que se aproveitam da ingenuidade dos bicnhos para massacrá-los exterminá-los, como se não soubéssemos que só temos a perder com o desaparecimento destas coisas fragilíssimas fortíssimas.
Sobre a ditadura americana mundo afora: Anistia internacional condena retenção de brasileiro em Londres
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-08-19/anistia-internacional-condena-retencao-de-brasileiro-em-londres
Helena, no Os Amigos do Presidente Lula: Pesquia: 87% dos brasileiros acreditam que a mídia representa os interesses dos próprios donos
http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com.br/2013/08/pesquisa-87-dos-brasileiros-acreditam.html
O Egito é aqui? Altamairo Borges: Operação 7 de setembro da direita
Meu comentário
O Egito é aqui? Estamos caminhando para o caos egipcio? Os ianques agradecem de coração se isso ocorrer, o pré-saL(75% prá educçaão) vai na confusão tal como ocorreu na líbia
Altamiro Borges, em seu blog: Itaú lucra, sonega e conspira
Jornal do Brasil: Recursos do Visanet foram usados corretamente
JB Costa: As lições que aprendi com o preso político Dower Cavalcanti
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/licoes-aprendidas-com-o-preso-politico-dower-cavalcanti


        Nassif: A desconstrução das Casas Fora do Eixo
Esses são ratinhos, as ratazanas devem meio trilhão de reais ao fisco, o Itáu seus quase 20 bilhões de reais, a Vale mais de 35 bilhões, a Globo seus mais de 1 bilhão e nós aqui malhando pequenos ladrões de galinha como se estes fossem os verdadeiros problemas do Brasil, assim este país não anda mesmo.  http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/a-desconstrucao-das-casas-fora-do-eixo


Nassif:Os obstáculos à regulação eficiente da economia
Meu comentário
Uma das mais importantes áreas da economia em qualquer parte do mundo tem que se abrir no sentido de se acabar com o monopólio, o cartel, inadmissível o oligopólio neste setor. Refiro-me à area das comunicações que, como se sabe, no nosso país é concen
trada nas mãos de 6 familias com a Globo comandando a pança. E a massa.
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/os-obstaculos-a-regulacao-eficiente-da-economia
Denúncia de 1999 alcança investigações do 'propinoduto"
Meu comentário
A mídia chama isso de "Cartel de SP", que medo de escrever o nome do PSDB nas chamadas, até aqui ocorre isso. O post deveria ser chamado por "Denúncia de 1999 alcança investigações do 'propinoduto tucano"
Enfim, uma beleza ser tucano nesse pais
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/denuncia-de-1999-alcanca-investigacoes-do-propinoduto
Onipresente: A planilha do caixa 2 de FHC
Meu comentário
Vejam que nos caixas 2 tucanos, em todos eles, foram usados recursos publicos. Já o PT fez empréstimos junto a rede bancária, os pagou, mesmo o resultado foram vários anos de cadeia para os petistas, como é bom ser tucano nesse pais, pode roubar à vontade que tá liberado, o Gurgel livrou o Demóstenes Torres e acabou de livrar  a cara do Aécio Neves. Bando de salafrários.
Diário do Centro do Mundo: Internet arrebenta audiência da Globo
Forum: Os donos da mídia na lista da Forbes
Vermelho.org: Sobre a importância da unidade das esquerdas
As encruzilhadas no caminho de Cabral
Meu comentário
Uma das grandes mancadas do Cabral foi o de ter viabilizado o acordo PMDB-PSDB para enterrar a CPI do Cachoeira, de que adiantou se a bunda terminou aparecendo sob o sol escaldante das manifestações.http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/as-encruzilhadas-nos-caminhos-de-cabral
Sobre Ninjas e Fora do Eixo
Imagem: As larvas luminosas da Nova Zelândia
A busca iniciada pelo jovens ajudará na mudança de cenário
Brasil 247: MP e PF já investigam a conexão Metrô-FHC
Fernando Brito, no Tijolaço: O mensalão e as lições da história
Receita cobra 19 bilhões de reais do Itaú (apoiador de Marina Silva)
Vi o Mundo: Só falta Gurgel assinar a ficha do PSDBhttp://www.viomundo.com.br/denuncias/rogerio-correia-depois-de-arquivar-acao-contra-aecio-so-falta-gurgel-assinar-a-ficha-do-psdb.html
Vermelho: Os haitianos refugiados no Acre
Carta Maior, Saul Leblon: Quando o jornalismo assalta os cofres públicos
A esperança do Haiti no campesinato
Fraude da Globo: Servidora foi "bode expiatório"
Midialivrismo: O que você quer investigar?
Altamiro Borges: O que será que Álvaro Dias achou da escolha de um torturador fascista para chanceler do Paraguai
Ministros prestam solidariedade a Lewandowski
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/ministros-prestaram-solidariedade-a-lewandowski
Sobre o recurso que  ocasionou a grosseria de Barbosa
Wálter Maierovitch: Barbosa compromete a imagem do Judiciário
A pegadinha do Estadão: Ministros concordam em acelerar o julgamento do "mensalão"
Meu comentário
Barroso se disse "impressionado" com a pena superior a 12 anos. Ao votar, porém, manteve a punição.
Todo mundo devidamente enquadrado e votando com a faca no pescoço. Temos que nos prepararar para começar uma campanha para levar ao povo brasileiro esse abuso que não se constatou nem mesmo no Tribunal de Exceção de Nuremberg, temos que lutar pela instalação de uma Comissão da Verdade para colocar essa farsa em pratos limpos.

Nassif: Habemus PGR: Rodrigo Janot
Meu comentário
Que se acabe de uma vez por todas com esse tipo de indicçaão, aqui em GO o chefe do MP foi indicado por Marconi Perillo, em SP o Alckmin rejeito o mais votado. Fiscais da lei? Então tá. Estão sempre puxando brasa para a sardinha do status quo, o Gurgel engavetou processo contra Demóstenes Torres e no apagar das luzes engavetou um contra Aécio Neves. E muita canalhice, eu paqgo esses ratos, não quero mais este tipo de coisa, que se aprove uma PEC pela autonomia total aos MP mas com uma condição: Que sejam proibidos de engavetar processos contra quem quer seja, contra tucanos inclusive!
Lucas Costa, colaborador do LNO: O processo de escolha do PGR
Meu comentário
As formas de indicação dos chefes dos MP não bate com esta esta função de se ser fiscalizador da lei. Em SP o Alckmin não escolheu o mais votado e sim o que lhe era de confiança. Então que se acabe de uma vez por todas com essa bandalheira e que se dê autonomia total ao MP, claro, penalizando-os caso engavetem noticias crimes ao seu bel prazer: Gurgel fez isso várias vezes, por exemplo para beneficar Demostenes Torres, Aécio Neves...Ou não estamos nos novos tempos?
Filme que postei como IV Avatar da Meia Noite, no Nassif: Modigliani, paixão pela vida
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/modigliani-paixao-pela-vida-filme-de-mick-davis
Noam Chomsky: 10 estratégias de manipulação midiática
Associações de Juizes criticam uso do termo chicana no STF
Fernando Brito, no Tijolaço: Miriam Leitão admite que pisou na bola
Dermi Azevedo, na Carta Maior: CIA manteve colaboradores dentro da Igreja Católica no Brasil
Robert Fisk sobre a crise no Egito: O massacre no Cairo e sua herança
Carlos Neder: Tucanos comem 30 km de metrô
Altamiro Borges: Contrabandista toma posse no Paraguai
Trensalão tucano: Grande demais para mídia esconder
Fascista ameaça a presidente Dilma
http://www.spinfascista.blogspot.com.br/2013/08/spin-tirano-ameaca-presidente-dilma.html

Benedito Teixeira, no Adital: 79% dos entrevistados voltarão às ruas caso as coisas não melhorem
Gésio Passos, no Observatório da Comunicação: O abandono local da comunicação
Paulo Moreira Leite sobre os pitis de Barbosa: A verdadeira chicana


Ricardo Kotscho: A quantas anda o mensalão tucano
Walter Maierovitch: Mais um barraco de Barbosa
UJS: CPI da Globo avança no Congresso
Luciano Martins, no OI: Um suposto eventual escândalo
Igor Fuser, no Brasil de Fato: A volta do vira-lata
Miguel do Rosário: PSDB persegue blogs
Renato Rovai, na Forum: Fora do Eixo volta às redes sociais
Eduardo Guimarães, no Blog da Cidadania: Os "pitis" de Barbosa podem visar sua candidatura a presidente
Zé  Dirceu: Tucano quer censurar Mídia Ninja
Sobre a ocultação de provas por Barbosa: As questões sobre o inquérito 2474
Meu comentário
Barbosa tem atuado como um ralé advogado de acusação, juiz ele não é, eu que já vesti a toja quando integrei um Tribunal de Juri não aceitaria participar de  uma Corte presidida por um juiz com o perfil de Barbosa, isso não é juiz, dá uma dor na consciência vc condenar alguém contra o qual não haja certeza da prática do crime, mas psicopatas como Barbosa não se abalam com isso não, muito pelo contrário, ainda mais se sabendo que ele pode ter dividendos eleitorais com este espetáculo de horror chamado "show do mensalão"
Assis Ribeiro, comentarista do Nassif: A grosseria imbecilizante de Joaquim Barbosa
Cristiana Castro sobre a linha maluquete de Barbosa
http://www.advivo.com.br/node/1471165Assis Ribeiro: A construção da farsa chamada "mensalão"http://www.advivo.com.br/node/1472143
A herança perversa de Gurgel
Meu comentário
Sem dúvida uma herança perversa e extramente danosa ao país, à democracia e à segurança jurídica, haja trabalho para o próximo PGR para se  desmontar esse esquema criminoso que poupou muitos corruptos, os maiores casos de corrrupção, como por exemplo os mais de 4 bilhões de reais surrupiados por Aécio Neves, a bandidagem de Demostenes e a turma do Cachoeira que, graças ao prevaricador Gurgel, foram eleitos em GO
Sobre os pagamentos continuados do "mensalão"
Joaquim Barbosa: A arte de manipular provas
Saul Leblon: A correlação de forças na metrópole
A diferença entre crime continuado e instantâneo
Maria Inês Nassif sobre a contradição de Dias Tófolli:Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli condenou o ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato pelo bônus de volume recebido pela DNA dos veículos de comunicação, o mesmo que o advogado-geral Dias Toffoli considerou legítimo. Leia maishttp://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/a-contradicao-de-dias-toffoli-por-maria-ines-nassif
A crítica do PSTU aos black blocs
As razões para a espionagem americana
O "mensalão' e aprovação da reforma tributária
PSDB quer informações sobre verbas para o Fora do Eixo
Comparações entre o Brasil e o Egito
A resposta do Wikileaks à declaração de Manning
O Egito caminha passo a passo rumo a guerra civil
10 dicas para escapar da espionagem
Barroso propõe reforma política em três eixos
Outros motivos para protestar nas ruas
Mariana K, comentarista do Nassif: O pecado de um tribunal que não corrige os próprios erros
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/o-pecado-de-um-tribunal-que-nao-corrige-os-proprios-erros
JBA e Alex Pontes, comentaristas do Nassif: A modernidade duvidosa de Ellen Grace
Edú Pessoa, colaborador do Nassif: a discussão sobre a reforma deve envolver todos os poderes
Video: Retrato preto & branco. Música
Barroso e os problemas do modelo político brasileiro
Barroso e a corrupção política do STF
Edú Pessoa, colaborador do Nassif: Sobre o mensalão e o senado: Nenhum senador recebeu o tal "mensalão"?
Petróleo: Aprovado 75% de royalties  para a educação
Estadão: Corrupção não deve ser politizada
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/corrupcao-nao-deve-ser-politizada-diz-barroso
JB Costa, colaborador do Nassif: O pessimismo sobre a revisão do julgamento da AP 470
Francisco Bosco: Os julgamentos apressados sobre o Fora do Eixo
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/os-julgamentos-apressados-sobre-o-fora-do-eixo
Nassif: Hora de rever os abusos do primeiro julgamento da AP 470
Postado por mim como IV Avatar da Meia Noite, no Nassif: Cartel teria irrigado lista de Furnas
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/cartel-teria-irrigado-lista-de-furnas
Bob Fernandes sobre o propinoduto tucano: Ruas e redes sociais rompem a  blindagem
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/bob-fernandes-ruas-e-redes-sociais-rompem-a-blindagem

------------------------------

(....)
____________________

Outras pesquisas sobre o assunto

Gilson Caroni Filho: As "qualidades" de Barbosa

Conclusão

Não houve uso de recursos públicos, não houve qualquer prejuízo a quem que seja, não há crime nenhum que possa ser atribuído aos réus, houve sim, caixa 2 eleitoral para financiamento de candidatos da base do governo, o que é muito de diferente de compra de votos de deputados eleitos, isso(compra de congressistas) não existiu, tá mais do que provado que isso é uma invencionice da mídia empresarial.  O TCU reconheceu a legalidade da Operação Visanet, perícias foram feitas e nada de errado foi constatado, inclusive o serviço contratado(de publicidade) foi devidamente prestado, sendo que as provas da inocência do réus foram ocultadas por Barbosa durante o julgamento, daí a indignação das pessoas, uma vez que justiça boa é justiça justa, o que não foi o caso dessa farsa montada pela grande mídia e sua infinita sede de vingança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SPIN01 SPIN02 SPIN03 SPIN04 SPIN05 SPIN06 SPIN07
SPIN08 SPIN09 SPIN10 SPIN11 SPIN12 SPIN13 SPIN14
SPIN15 SPIN16 SPIN17 SPIN18 SPIN19 SPIN20 SPIN21
SPIN22 SPIN23 SPIN24 SPIN25 SPIN26 SPIN27 SPIN28
SPIN29 SPIN30 SPIN31 SPIN32 SPIN33 SPIN34 SPIN35
SPIN36 SPIN37 SPIN38 SPIN39 SPIN40 SPIN41 SPIN42
SPIN43 SPIN44 SPIN45 SPIN46 SPIN47 SPIN48 SPIN49
SPIN50 SPIN51 SPIN52 SPIN53 SPIN54 SPIN55 SPIN56
SPIN57 SPIN58 SPIN59 SPIN60 SPIN61 SPIN62 SPIN63

SPIN64 SPIN65 SPIN66 SPIN67 SPIN68 SPIN69 SPIN70
SPIN71 SPIN72 SPIN73 SPIN74